Como poeta e morador da periferia, Sérgio Vaz sabe, como ninguém, transmitir a alma das ruas. Em Flores de alvenaria o autor nos lança nas calçadas do subúrbio e descortina um universo muitas vezes invisível por meio de textos, ora em verso, ora em prosa, sobre os mais variados temas: educação, negritude, liberdade, sexo, empatia.

Com apresentação do cantor e compositor Chico César, a obra traz diálogos, relembra a situação da periferia em outras épocas e conta com poemas que costumam ser declamados na Cooperifa, evento criado pelo poeta que transformou um bar de Taboão da Serra em um evento cultural.

 

Ficha Técnica

Editora Global

Coleção: Literatura Periférica
Edição: 1ª edição
Formato: 12,5 x 18,0 cm
184 páginas

Flores de alvenaria (Sérgio Vaz)

R$ 25,00Preço
     

    INSTITUTO DE LEITURA QUINDIM

    ©2020 por Instituto de Leitura Quindim