A autora, desde o título, fala sobre o lado democrático que toda biblioteca deve apresentar: ser um lugar de leitura para todos. No seu texto, personagens de histórias e pessoas transitam igualmente como leitores comuns. Professoras, tias, Três Porquinhos, contadores de história, avô, bebê, Chapeuzinho Vermelho, o medo, a realeza, o inesperado, a bruxa má, os compadres agricultores e muitos outros – todos se sentem bem acolhidos na biblioteca – como em sua própria casa.

 

Ficha técnica

Editora Abacatte

Edição 1ª

Tamanho: 25x22cmPáginas: 40

Uma biblioteca é uma casa onde cabe toda a gente (Mafalda MIlhões)

R$ 42,00Preço
     

    INSTITUTO DE LEITURA QUINDIM

    ©2020 por Instituto de Leitura Quindim