Amazônia Chama ganha Exposição no Reffugio

Atualizado: 15 de jul. de 2021


O logo da campanha foi desenvolvido pelo ilustrador Roger Mello.

Obras do projeto Amazônia Chama/Amazon Shouts, idealizado pelo Instituto de Leitura Quindim, estarão expostas no Reffugio, espaço que funciona como bar e galeria de arte, em Caxias do Sul, a partir desta quinta-feira (15/07) e segue até 15 de agosto. Nove artistas, brasileiros e estrangeiros, fazem parte da exposição que visa chamar a atenção para a maior floresta tropical do planeta. O espaço está localizado na Rua Marechal Floriano, 1083, bairro São Pelegrino, e funciona das 17h30 às 23h (terça a quinta-feira) e das 18h às 0h (sexta e sábado).


As ilustrações a serem expostas foram criadas por artistas nacionais e internacionais como Roger Mello (Brasil), Daniel Kondo (Brasil/Uruguai), Rafael Dambros (Brasil), Alfredo Soderguit (Uruguai), Roger Ycasa (Equador), Mariana Massarani (Brasil), André Neves (Brasil), Piet Grobler (África do Sul/Portugal) e Taísa Borges (Brasil/Canadá). Todas elas buscam conversar sobre a preservação da Floresta Amazônica, relembrando a importância dela na vida de todos e alertando sobre sua crescente exploração e destruição.


Segundo dados do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe), o total de focos de queimadas registrados na Amazônia Legal em maio de 2021 foi 49% maior do que o registrado no mesmo mês em 2020. O número é 34,5% superior à média história do mês. Para se ter uma ideia, a Amazônia Legal corresponde a 59% do território brasileiro.


Para o presidente do Instituto de Leitura Quindim e idealizador do projeto, Volnei Canônica, no atual momento, a Amazônia pede ajuda urgente. “Acredito que não podemos nos calar e ver o nosso maior bem natural ser destruído, negociado e arrasado dessa forma. Todas as obras da exposição trazem o que a floresta tem de melhor, mas que está sendo destruído. Precisamos da mobilização de toda a sociedade exigindo ações efetivas do governo em prol da Amazônia”, afirmou.


A exposição tem apoio da Go Image, que foi responsável pela impressão das obras.


O projeto


A plataforma Amazônia Chama/Amazon Shouts foi idealizada por Volnei Canônica e Roger Mello (presidente e vice-presidente do Instituto de Leitura Quindim, respectivamente), em 2019, após o crescente aumento no número de queimadas e centenas de quilômetros de floresta destruída. No site www.amazoniachama.com, além das obras expostas na exposição do Reffugio, é possível conferir as demais obras produzidas em prol do projeto.


Acompanhe também no perfil do Instagram @amazonshouts, que traz notícias e informações sobre o projeto e o que está acontecendo na Amazônia e nas políticas públicas em defesa da floresta e dos povos originários.


São livros, fotografias, ilustrações, vídeos, trabalhos acadêmicos, entre outras produções, todos buscando a conscientização e proteção da Amazônia. No perfil são divulgados diferentes conteúdos. Então é só CLICAR AQUI para conhecer mais do projeto.



Leia também:

AMAZÔNIA CHAMA: Conheça a mobilização internacional em defesa da floresta

Série de vídeos sobre o Instituto de Leitura Quindim é promovida pela Fundação SM